Além disso, prefeitura librou também a prática de esportes coletivos para idosos e crianças em ambientes externos e academia. Prefeitura de Ilhéus autoriza apresentações musicais em bares e restaurantes da cidade
A prefeitura de Ilhéus, no sul da Bahia, autorizou o retorno de música ao vivo em bares e restaurantes da cidade, por meio de um decreto publicado no Diário Oficial do Município (DOM), na segunda-feira (28).
Além disso, a gestão também liberou a prática de esportes coletivos para idosos e crianças em ambientes externos e academias.
Conforme explicou a prefeitura, os estabelecimentos interessados em oferecer música ao vivo para os clientes devem solicitar a autorização, com assinatura do termo de compromisso e responsabilidade, com antecedência de cinco dias, através da Secretaria de Meio Ambiente.
Todos os músicos deverão manter distanciamento mínimo de 1,5 m, fazer o uso obrigatório da máscara de proteção – exceto para os músicos de instrumento de sopro.
A prefeitura disse, ainda, que também devem ser garantidas a higienização e desinfecção dos instrumentos e superfícies do palco ou local onde os músicos forem se apresentar.
Bar na orla de João Pessoa
TV Cabo Branco/Reprodução/Arquivo
O estabelecimento deverá disponibilizar álcool em gel para os músicos e organizar distanciamento mínimo de 3 metros entre o local de apresentação e as mesas dos consumidores, além de instalar e manter barreira física (fita, faixa ou similar) na frente do local da apresentação.
O decreto afirma estabelece, ainda, que ficam proibidos o contato físico entre músicos e consumidores, o uso de espaço para dança e aglomeração de pessoas e atividades musicais em espaços fechados sem ventilação natural. Em caso de descumprimento, o estabelecimento pode ser multado no valor de R$ 5 mil.
“Ficam proibidas ainda as atividades musicais, neste momento, em locais fechados e sem ventilação. A não observância desses critérios que estão dispostos poderá ensejar uma multa de R$ 5 mil para o estabelecimento. Em relação às atividades esportivas que estão liberadas, também devem seguir todos os protocolos já autorizados anteriormente para garantir a saúde de todos que tiverem praticando as atividades”, disse Régis Aragão, presidente do Comitê de Crise da Covid-19 de Ilhéus .
Conforme boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), na segunda-feira (28), a Ilhéus tem 6.655 casos confirmados da Covid-19.
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Assista aos vídeos do Bahia Meio Dia