Mulher do grupo de risco ficou quase uma semana internada no Centro Covid-2, na Zona Norte. Aposentada recebe alta ao som de marabaixo com direito a dança em Centro de Covid do Amapá
Após quase uma semana internada por complicações do novo coronavírus, a aposentada Domingas Barbosa Ramos, de 75 anos, recebeu alta e saiu do “Centro Covid-2”, localizado na Zona Norte de Macapá, ao som do estilo musical preferido dela: o marabaixo – patrimônio imaterial do Brasil e manifestação cultural negra do Amapá (assista acima).
AO VIVO: Veja as últimas notícias sobre o coronavírus no Amapá
Enquanto ela “desfilava” pelo corredor com a plaquinha “Eu venci a Covid-19”, os profissionais de saúde que lhe ajudaram a melhorar cantavam a música “Rosa Branca Açucena”, umas das mais conhecidas do estilo musical original do Amapá.
Domingas Barbosa recebeu alta da Covid-19 ao som de marabaixo no Amapá
IBGH/Divulgação
Domingas diz que é uma amante de marabaixo há 47 anos e que, além dela, toda a família dança.
Ela foi internada no dia 6 de julho e foi liberada pela equipe médica na sexta-feira (10). Ela, que mora no bairro São Lázaro, contou que o momento mais difícil do tratamento foi a saudade de casa e da família. A gratidão veio com a recuperação da doença.
“Quando eu comecei a tomar os remédios parece que eu não estava em mim, às vezes eu chorava, parecia que eu ia mesmo perder a cabeça. Agora só tenho a agradecer a Deus e aos enfermeiros que cuidaram de mim da melhor forma possível e ainda dançaram comigo”, detalhou.
A filha da aposentada, Cristiane Barbosa, de 44 anos, descreve que a mãe já estava bastante lúcida quando escolheu a música ao sair do hospital. Ela disse que, apesar de difícil o tratamento, ela não precisou respirar com a ajuda de aparelhos e isso foi como um alívio.
“Minha mãe dança marabaixo desde os 28 anos dela, então sempre foi muito forte essa cultura nela. E como ela saiu logo do hospital, ela resolveu sair ao som do batuque como uma forma de agradecer”, finalizou a filha.
Domingas Barbosa com as vestes de dançadeira de marabaixo
Cristiane barosa/Arquivo Pessoal
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá