Segundo a Receita Federal, pagamento a mais de 3 milhões soma R$ 5,7 bilhões e é o maior lote de todos os tempos. A Receita Federal paga nesta terça-feira (30) as restituições do segundo lote do Imposto de Renda de Pessoa Física 2020, relativo ao ano-base 2019. Ao todo, serão creditados R$ 5,7 bilhões a 3,3 milhões de pessoas – o maior valor para um lote de restrituição em todos os tempos, segundo a Receita.
Para saber se está neste lote, o contribuinte pode fazer a consulta por meio da página da Receita na internet ou pelo telefone 146. O órgão disponibiliza, ainda, um aplicativo para tablets e smartphones para consulta das informações sobre a restituição do IR e a situação cadastral do CPF.
Clique aqui para verificar a restituição pelo site da Receita
Clique aqui para baixar o aplicativo do Imposto de Renda para celulares Android
Clique aqui para baixar o aplicativo do Imposto de Renda para celulares com IOS (Apple)
Neste lote, será autorizado um crédito bancário a 3.306.644 de pessoas, somando R$ 5,7 bilhões. De acordo com o órgão, esse será o “maior valor para um lote de restituição em todos os tempos”. Os valores estarão disponíveis para saques a partir de 30 de junho.
Calendário de restituições
Este ano, as restituições serão pagas em cinco lotes:
1º lote: 29 de maio de 2020
2º lote: 30 de junho de 2020
3º lote: 31 de julho de 2020
4º lote: 31 de agosto de 2020
5º lote: 30 de setembro de 2020