Deputados Mauro Tramonte (PRB) e João Vitor Xavier (Cidadania) aparecem em segundo e terceiro lugares, respectivamente, diz Paraná Pesquisas

Um levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, divulgado nesta quarta-feira (7), mostra o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), em primeiro lugar na disputa pela reeleição, caso a votação fosse realizada hoje. Os dados mostram que o atual chefe do Executivo municipal tem 40,2% das intenções de voto, em uma pesquisa estimulada.

Em um dos cenários simulados, o instituto de pesquisa apresentou aos entrevistados o nome de Kalil e de outros 10 políticos. O deputado estadual Mauro Tramonte (PRB) aparece em segundo lugar, com 19,5% das chances de voto. O terceiro lugar na disputa ficou com o também deputado estadual João Vitor Xavier (Cidadania), com 5% dos votos.

O deputado André Quintão (PT) foi o escolhido de 4,8% dos entrevistados, ocupando o quarto lugar da lista. O petista é seguido pelos deputados federais Áurea Carolina (Psol) e Eros Biondini (Pros), que têm 4,3% das intenções de votos. 

Para Murilo Hidalgo, diretor do Instituto Paraná Pesquisas, apesar de Kalil sair na liderança no pleito, os dados mostram que ainda não está claro para o eleitor quais serão, de fato, os adversários do atual prefeito.

— Pode ser que nos bastidores, os políticos estejam se movimentado para serem os adversários dele, mas na cabeça do eleitor, isso ainda não existe.

Mauro Tramonte, que aparece em segundo lugar, diz que atualmente não pretende concorrer ao cargo em 2020. O político afirma que planeja concluir seu mandato de deputado estadual, para qual foi eleito com 516.390 votos.

— Nós temos que estar sempre atentos a todas as cidades que votaram no Mauro Tramonte e confiam no meu trabalho. Por enquanto, não penso em concorrer à prefeitura.

Já João Vitor Xavier, que ocupa o terceiro lugar da lista, confirma que pretende estar na disputa pelo cargo no próximo ano.

— Estamos conversando com partidos e com a população para avaliar o melhor caminho.

Aprovação

O Instituto Paraná Pesquisas também avaliou a primeira gestão de Alexandre Kalil na Prefeitura de Belo Horizonte. Segundo o levantamento, 71,5% dos eleitores aprovam o Governo, 24,6% desaprovam e 4% não sabem ou não opinaram.

Perguntados sobre como está sendo a administração do prefeito, 13,3% afirmaram está sendo ótima; 40,1% boa; 32,1% regular; 6,1% ruim; 7,3% péssima; e 1,1% não soube ou não quis opinar.

O Instituto Paraná Pesquisas ouviu 806 eleitores de Belo Horizonte, entre os dias 31 de julho e 04 de agosto de 2019. O grau de confiança é de 95% e a margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. De acordo com o instituto, 20% das entrevistas foram auditadas simultaneamente à sua realização. A instituição está registrada no Conselho Regional de Estatística das 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 5ª, 6ª e 7ª Região sob o número 3122/ 19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui