Condutor de 23 anos, que foi levado ao hospital com ferimentos graves, afirmou que o Model 3 estava com o sistema Autopilot ativado. Tesla bateu em carro de polícia e ambulância; motorista diz que Autopilot estava ativado
Department of Public Safety Arizona
Um Tesla Model 3 bateu na traseira de uma viatura da polícia no Arizona, reportou a própria autoridade do estado. O veículo estaria com o Autopilot, sistema de condução semiautônoma que freia e acelera, sem a ação do motorista.
“Podemos confirmar que o motorista indicou aos policiais que o Tesla estava no ‘Autopilot’ no momento da colisão”, afirmou o Departamento de Segurança Pública do Arizona. O acidente ocorreu nesta terça-feira (14) deixando o motorista de 23 anos com ferimentos graves; ele foi levado ao hospital, mas não corre risco de vida.
A batida acabou levando o carro de polícia a se chocar com uma ambulância. Os veículos estavam na rodovia por causa de um outro acidente no local, mas seus ocupantes não estavam dentro deles na hora, e ninguém mais se feriu.
A polícia segue investigando os motivos do acidente, e a Tesla ainda não se pronunciou sobre o caso. Na semana passada, o presidente da empresa, Elon Musk, disse que a fabricante estava muito perto de atingir ‘autonomia completa’ para carro dirigir sem motorista.
Apesar de fazer diversas ações sem o auxílio do motorista, o atual estágio do Autopiloto exige que o motorista sempre esteja preparado para executar as ações primordiais de segurança no carro.
Sistema Autopilot da Tesla é testado em evento na Califórnia
REUTERS/Beck Diefenbach