Silvio Santos
Genro de Silvio Santos, Fábio Faria é o novo ministro de Bolsonaro (Imagem: Divulgação – Câmara dos Deputados – SBT / Montagem – RD1)

O deputado Fábio Faria (PSD-RN) foi escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para o comando do Ministério das Comunicações, o 23º Ministério da atual gestão. Na pasta, o marido de Patrícia Abravanel será o responsável pela verba da Secom, acusada de favorecer emissoras aliadas, como o SBT, do sogro Silvio Santos.

Segundo a revista Crusoé, o atual chefe da secretaria, Fábio Wajngarten será o secretário-executivo e número dois do novo ministério. Nos bastidores da política, o órgão tem sido sistematicamente apontado por disponibilizar o maior volume de recursos de publicidade oficial do governo.

Além do canal da Anhanguera, a Secretaria de Comunicação Social foi acusada de beneficiar RedeTV! e Record. Os três canais se tornaram a principal plataforma de divulgação de informações de matérias pró-governo.

Para a recriação da pasta, que foi eliminada na presidência de Michel Temer, a pasta da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações foi desmembrada em duas: Ministério das Comunicações e Ministério da Ciência e Tecnologia, chefiado pelo astronauta Marcos Pontes.

Bolsonaro anunciou a novidade em sua rede social. “Nesta data, via MP, fica recriado o Ministério das Comunicações a partir do desmembramento do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Para a pasta foi nomeado como titular o Deputado Fabio Faria/RN”, declarou no Twitter.

O post Acusada de beneficiar SBT, Record e RedeTV!, Secom será subordinada a genro de Silvio Santos apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.