RJ e MA têm autorização para volta às aulas em escolas particulares nesta segunda. Rio teve descumprimento de regras de flexibilização no fim de semana, e SP reabre parques e ciclovia. Hoje é segunda-feira, 3 de agosto, e o Brasil tem 2,7 milhões de casos confirmados de coronavírus. O número de mortos pela Covid-19 no país é de mais de 94 mil.
A média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 1.011 óbitos, uma variação de -3% em relação aos dados registrados em 14 dias, com base no balanço da noite deste domingo (2) do consórcio dos veículos de imprensa. Já a média móvel de casos foi de 44.817 por dia, uma variação de +34% em relação aos casos registrados em 14 dias.
Em todo o mundo, três países já superaram a marca de 1 milhão de diagnósticos: Estados Unidos (4,6 milhões), Brasil (2,7 milhões) e Índia (1,8 milhão).
IVERMECTINA: por que ela não é a pílula mágica contra a Covid-19
MÉDIA MÓVEL: veja onde as mortes estão subindo, em estabilidade ou em queda
SINTOMAS: quais os sintomas e quando procurar um médico
VACINAS TESTADAS NO BRASIL: entenda pesquisas
MEMORIAL: histórias de vidas interrompidas pela Covid-19
ANTICORPOS: quem já teve Covid-19 pode pegar de novo?
PESQUISA: saiba mais sobre as candidatas a vacina
PREVENÇÃO: como evitar contaminação pelo coronavírus
Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia do covid-19
Abaixo, o G1 reúne as principais notícias do dia sobre coronavírus:
Volta às aulas presenciais no RJ e no MA: quais as regras?
Medição de temperatura na porta de escola para os alunos do terceiro ano do ensino médio, nesta segunda-feira (3), no Maranhão
Divulgação
Na cidade do Rio de Janeiro, a Justiça concedeu autorização para que as instituições particulares retomassem de forma facultativa as aulas presenciais a partir desta segunda-feira (3). Parte das escolas da rede estadual reabre também nesta segunda, mas ainda sem aulas, só com a presença de funcionários e apenas nas regiões consideradas de baixo risco de contaminação. As aulas presenciais na rede estadual ainda não têm data para voltar, que depende da liberação pela Secretaria de Saúde.
Já no Maranhão, cerca de 50 instituições apenas da rede privada retomaram as aulas presenciais nesta segunda, segundo o sindicato do setor. No ensino público estadual, ainda não há previsão. Em São Luís, com poucas exceções, a maioria das escolas privadas optou por começar a volta pelos alunos do terceiro ano do ensino médio. Nos outros níveis de ensino, a volta deve ser na próxima semana.
Entre outras medidas impostas pela rede privada de ensino, está o uso obrigatório de máscaras, a aferição de temperatura de alunos e colaboradores e a suspensão do recreio. As escolas devem optar pelo ensino híbrido, com aulas presenciais e online, sem tornar obrigatório o retorno dos estudantes.
Covid-19 no Brasil: o que a OMS sugere para o país sair de situação ‘preocupante’?
Passageiros usam máscara protetora facil ao entrar em metrô em São Paulo, em imagem do início de julho
Amanda Perobelli/Reuters

O diretor de emergências da Organização Mundial de Saúde (OMS), Michael Ryan, destacou nesta segunda-feira (3) que a situação no Brasil é “preocupante” e que há “muitos estados relatando alto número de casos”, com “a contagem média diária é de 60 mil [novos] casos e mais de mil mortes por dia”. Para ele, é preciso suprimir a transmissão comunitária, com união das esferas de governo e das comunidades locais.
Regras de flexibilização estão sendo cumpridas no Rio?
Movimento na praia do Leme, na zona sul do Rio de Janeiro, neste domingo, 2 de julho
ELLAN LUSTOSA/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO
No fim de semana, houve registros de descumprimento das regras de flexibilização da quarentena no Rio. Banhistas chegaram a ficar na areia da praia. A autorização é para apenas mergulhar na água, sem permanecer no local. A Prefeitura do Rio multou 123 pessoas por desrespeito às regras da flexibilização do município.
Flexibilização: quais parques e ciclovia de SP reabrem nesta segunda?
Foto de arquivo mostra paulistanos pedalando na ciclovia da Marginal do Rio Pinheiros, Zona Sul da capital paulista
Valéria Gonçalvez/Estadão Conteúdo
Sim. Foram reabertos nesta segunda-feira (3), em meio à flexibilização da quarentena, mais quatro parques urbanos localizados na capital e na região metropolitana de São Paulo, após quatro meses fechados. São eles:

Parque Manoel Pitta, conhecido como Parque Belém, na Zona Leste;
Parque Ecológico do Guarapiranga, às margens da represa, na Zona Sul;
Parque Ecológico Várzea do Embu-Guaçu, na Grande São Paulo;
Parque Gabriel Chucri, conhecido como Parque da Lagoa, no município de Carapicuíba.
Desde o dia 13 de julho ocorre a reabertura gradual dos parques estaduais, interditados para o combate ao coronavírus. Restrições de horário e obrigatoriedade de máscaras continuam. Também foi reaberta nesta segunda a ciclovia da Marginal Pinheiros, na Zona Sul da cidade de São Paulo. A estrutura ganhou melhorias, como câmeras e chuveiros, mas ciclistas cobram mais acessos ao longo de seus 21,5 km.
Outras notícias do dia:
Vacina para Covid-19: veja relato de voluntário em testes da vacina de Oxford
Volta às aulas marcada pelo coronavírus na Alemanha
Austrália volta a impor restrições na segunda maior cidade do país