Esporte Espetacular
Bárbara Coelho, que divide a apresentação do Esporte Espetacular com Lucas Gutierrez; programa amarga baixa audiência (Imagem: Reprodução / Globo)

O Esporte Espetacular deste domingo (21) apostou em pautas como os 50 anos do tricampeonato mundial da Seleção Brasileira e o acidente do multicampeão paraolímpico de ciclismo Alessandro Zanardi. Mas a audiência não demonstrou interesse pelo conteúdo do esportivo da Globo, apresentado por Bárbara Coelho e Lucas Gutierrez.

A atração acumulou apenas 7,4 pontos. Ficou abaixo dos 7,7 do antecessor, Auto Esporte. E quase empatou com o jornalístico Pequenas Empresas, Grandes Negócios, que alcançou 7,2 de média, mesmo exibido em horário “menos nobre”. Mais cedo, 5,7 do Antena Paulista e 10 para o Globo Rural, sempre destaque das manhãs de domingo da emissora.

Além das matérias citadas acima, o Esporte Espetacular trouxe um game conduzido pelo narrador Luís Roberto, um quadro estrelado pelos veteranos da cobertura esportiva Marcos Uchôa e Tino Marcos, reportagem de Clayton Conservani para o Planeta Extremo e um especial sobre os 70 anos do Maracanã.

Depois do EE, o Tamanho Família de Márcio Garcia amealhou 9,5. A Globo voltou aos dois dígitos com Homem-Formiga (2015) em Temperatura Máxima (12,6). Ainda, 16,9 para Jurassic World – O Mundo dos Dinossauros (2015) em Campeões de Bilheteria, 13,7 com Domingão do Faustão e 18,8 para o Fantástico.

Na madrugada de domingo para segunda-feira (22), o Domingo Maior anotou 10,4 com Golpe de Mestre (2016), o Cinemaço atingiu 7,1 exibindo Invasão do Mundo – Batalha de Los Angeles e o Corujão bateu 4,6 com Celular (2016). O Hora Um, das 4h às 6h, consolidou 4,2.

O post Audiência da TV: Esporte Espetacular é ameaçado por Pequenas Empresas, Grandes Negócios apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.