Pesquisa publicada nesta sexta-feira (31) na revista, uma das mais importantes do mundo, descreve as características epidemiológicas da doença no país. Mais de 90 mil pessoas morreram pela infecção em solo brasileiro. 26 de junho de 2020: Parente de Francisco das Chagas Ferreira, que morreu aos 59 anos por causa da COVID-19, no cemitério Parque Taruma, em Manaus, durante a pandemia do novo coronavírus no Brasil
Bruno Kelly/Reuters
Uma pesquisa publicada nesta sexta-feira (31) na “Nature”, uma das revistas científicas mais importantes no mundo, mostra que, entre fevereiro e maio, cada pessoa infectada com a Covid-19 no Brasil infectou outras três com a doença.
O estudo descreve as características epidemiológicas da doença no país, onde mais de 90 mil pessoas morreram por causa da infecção.
O estudo foi conduzido por cientistas do Instituto de Medicina Tropical da Faculdade de Medicina da USP, da Universidade de Oxford e do Imperial College de Londres.
Pesquisa da UFPel aponta que número de pessoas com anticorpos do coronavírus cresce no RS