Conforme Sandra Freitas, que é presidente do Sindicato dos Bancários de Feira de Santana, situação preocupa porque os casos sobem com rapidez. MPT apura situação. Feira de Santana tem mais de 40 funcionários de bancos infectados pela Covid-19
A cidade de Feira de Santana, que fica a cerca de 100 Km, já registrou 41 casos de funcionários de agências bancárias infectados pela Covid-19, segundo informações do Sindicato dos Bancários do município.
Conforme Sandra Freitas, que é presidente do Sindicato dos Bancários de Feira de Santana, a situação preocupa porque os casos sobem com rapidez.
“[Em cinco dias] a gente está com números crescentes e constantes. Já chegou a quatro [o número de funcionários com a doença]. Até agora, nós temos notícias de 41 bancários”, disse ela.
Por causa da situação, as agências da cidades passam por limpeza e desinfecção com frequências. Algumas, inclusive, foram fechadas. Por causa disso, o Ministério Público do Trabalho (MPT)mandou fazer relatórios para apurar a situação.
“O órgão de fiscalização já foi em [várias] agências esta semana. A gente está aguardando a chegada desses relatórios. A gente está curioso agora para saber em relação se as medidas sanitárias estão sendo respeitadas, porque houve mais seis casos de denúncia nesta semana no MPT”, disse Ilan Fonseca, procurador do Ministério Público do Trabalho.
Ele ainda comentou que o sindicato enviou várias denúncias recentes. Caso sejam comprovadas, as agências bancárias podem ser interditadas.
“O sindicato da categoria nos encaminhou cinco denúncias, trazendo informações de novos bancários contaminados. Se ficar comprovado que o banco não está contribuindo com as medidas sanitárias, a gente vai reforça o pedido na Justiça para que essas agências sejam interditadas”, completou o superintendente.
Confira mais informações do estado no G1 Bahia.