Natural de Pedras de Fogo, mulher nasceu durante a 1ª Guerra Mundial, em 1917. E conseguiu se recuperar da doença mesmo tendo duas comorbidades. Idosa de 103 anos, Maria Elvira sai de hospital após superar a Covid-19
TV Cabo Branco/Reprodução
Uma mulher idosa de 103 anos superou os prognósticos contrários para casos como o dela e conseguiu se curar da Covid-19. Maria Elvira Mereles foi internada no início do mês no Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa, mas depois de 20 dias de internação recebeu alta. Saiu do hospital nessa terça-feira (30). Debilitada, mas viva.
Maria Elvira é natural do município de Pedras de Fogo e nasceu em 1917, numa época em que o mundo ainda vivia em voltas à 1ª Guerra Mundial.
Além da idade avançada, a idosa tem duas comorbidades que teoricamente deixavam o seu quadro clínico ainda mais grave: hipertensão e diabetes.
Dos 20 dias que passou internada, ela passou dois na UTI. Os outros 18 foram da enfermaria do hospital.
Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba