A Secretária Especial da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier, afirmou nesta quarta-feira, 10, que o comitê interministerial montado para avaliar o futuro da Telebrás ainda avalia as alternativas de parceria com a iniciativa privada pensadas para a empresa. Nesta quarta-feira, o PPI deu aval para que o governo contrate uma consultoria especializada para auxiliar nesses estudos.

“Ainda não temos a conclusão porque percebemos que a empresa demandava análises de consultorias especializadas”, disse a secretária. A Telebrás foi qualificada no PPI em 2019.

Segundo apresentação do PPI divulgada nesta quarta, pelos estudos do comitê, conclusões indicam pela possibilidade de desestatização da empresa. Seillier pontuou, no entanto, que essas avaliações só serão concluídas entre julho e agosto.

O post PPI: governo ainda avalia alternativas para Telebras apareceu primeiro em ISTOÉ Independente.