Anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto na manhã desta terça-feira (29). Suspensão será imediata e valerá por uma semana. Prefeito de Salvador, ACM Neto, em entrevista coletiva nesta terça-feira (29)
Reprodução/Redes Sociais
O prefeito ACM Neto anunciou, nesta terça-feira (29) as praias que voltam a ser fechadas em Salvador, por causa de descumprimento de protocolos pelos banhistas.
As praias fechadas novamente são:
Amaralina;
Boa Viagem;
Cantagalo;
Piatã;
Uma das praias da lista, a do Cantagalo, uma festa “paredão” foi encerrada na noite de segunda-feira (28), pela força-tarefa da prefeitura e Polícia Militar.
O prefeito reiterou que, caso seja necessário, a prefeitura ampliará a interdição. A prefeitura colocará fiscais nos trechos da orla para assegurar fechamento das praias, que terão barreiras físicas.
“Não dá para a prefeitura ficar de babá, definitivamente não dá. Eu resisti à abertura das praias porque fiscalizar não é fácil. Nós não vamos usar a força nas praias, vamos fiscalizar. Lamentavelmente, a maioria paga o preço da responsabilidade e do descumprimento da minoria”, disse ele.
ACM Neto disse ainda que, caso outras praias também registrem aglomerações, elas também serão fechadas. O prefeito falou ainda que o papel da prefeitura é fiscalizar, e que não vai multar as pessoas.
“Eu não vou multar as pessoas. É muito difícil a execução disso e eu não vou colocar a Guarda Municipal em situação de constante conflito com as pessoas nas praias”, ponderou.
O prefeito falou também que a medida de fechamento das praias é para evitar que haja um aumento no número de casos de Covid-19, por causa da aglomeração e falta de uso de máscara por parte dos banhistas.
“Penso eu que devemos seguir todo dia uma direção que nos permita alcançar novas flexibilizações. Queremos um caminho em que a prefeitura possa anunciar toda semana retomada de novas atividades. Foi por isso que tivemos o cuidado de definir os dias de funcionamento das praias de Salvador, inclusive impossibilitando o uso de três praias, tudo isso foi pensado por segurança e cautela”.
Na última quinta-feira (24), o prefeito elogiou o comportamento dos baianos nas praias da capital. Ele chegou a dizer que a postura era “exemplar”.
No entanto, no final de semana circularam pela internet registros de banhistas em aglomerações, sem máscaras e descumprindo outros protocolos, como por exemplo o uso de equipamentos sonoros nas praias.
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Praia da Boa Viagem, em Salvador, no domingo (27)
Reprodução/Redes Sociais
Assista ao Jornal da Manhã