Professora teve ideia de tanto ver as dificuldades dos próprios alunos.
Depois de quatro meses de aulas a distância, muitos estudantes ainda não conseguem estudar. E não é porque não querem. Inconformada, uma professora de São Paulo criou uma campanha para arrecadar celulares e doar aos alunos.
Na sala da professora, apenas sete alunos têm conseguido acompanhar as aulas virtuais. Tem criança fazendo a lição de madrugada, que é o único horário em que o celular da família estava disponível.
A campanha é feita nas redes sociais e já envolveu toda a escola. Quando aparece uma doação, são os professores e funcionários que vão buscar os celulares.
Saiba mais informações e veja como doar.