Canta Comigo
Por conta da pandemia de coronavírus, Record decide adiar nova temporada do Canta Comigo, atração de Gugu Liberato (Imagem: Divulgação / Record)

A Record bateu o martelo sobre o futuro do Canta Comigo. Em meio ao impasse de quem assumiria o comando da atração após a morte de Gugu Liberato, em novembro do ano passado, a emissora decidiu cancelar a edição deste ano do reality musical.

Segundo o colunista Fefito, do UOL, o canal de Edir Macedo entendeu que, em tempos de pandemia do coronavírus, seria inviável aglomerar um número tão grande de pessoas para a realização dos programas. Só o time de jurados, por exemplo, conta com 100 pessoas.

Somando a equipe técnica e os calouros seria praticamente impossível não contar com uma aglomeração. Devido as circunstâncias, a alta cúpula da Record preferiu, então, deixar uma nova edição do talent show para um outro momento.

A emissora chegou a levantar alguns nomes para substituir Gugu para a atração. Otaviano Costa e Juan Alba foram citados; o último chegou a declarar interesse no posto. Marcos Mion, Sabrina Sato e até Xuxa Meneghel chegaram a ser cotados para herdar a última atração apresentada por Gugu.

Antes da declaração da pandemia do coronavírus, a Record chegou a marcar para o mês de maio uma versão do programa, destinada para o público jovem, que ganhou o título de Canta Comigo Teen, projeto que também não foi para frente.

O post Record bate o martelo sobre futuro do Canta Comigo, de Gugu Liberato apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.