Fogo em um galpão de indústria de cosmético se alastrou e atingiu local onde a prefeitura guardava materiais escolares. Materiais escolares foram destruídos
Prefeitura de Lauro de Freitas / Divulgação
Uma sindicância foi aberta pela prefeitura de Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador, para apurar o que provocou o incêndio que destruiu parte do almoxarifado da Secretaria Municipal de Educação, na noite da última quarta-feira (10), e fazer o levantamento do material que foi consumido pelo fogo. O incêndio começou em um galpão de uma indústria de cosméticos, localizado no bairro de Buraquinho, e atingiu o local onde a prefeitura guardava os materiais.
Nesta quinta-feira (11), o comandante do Corpo de Bombeiros, Francisco Teles, informou que os dois galpões atingidos pelo incêndio apresentaram problemas estruturais, e a área foi interditada. Também nesta quinta foi feita perícia técnica e avaliação da estrutura pela Defesa Civil do município.
Segundo a prefeitura, a indústria de cosméticos ocupava um dos 13 galpões do Condomínio Multicenter, em Buraquinho. Com o incêndio, o fogo se alastrou para o imóvel vizinho onde funcionava o almoxarifado. No local, estavam guardados mobiliário escolar, fardamento, livros e outros materiais que seriam distribuídos às escolas do município após a pandemia do coronavírus, informou o município de Lauro de Freitas.
Chamas foram vistas de longe
Reprodução/TV Bahia
O almoxarifado da Secretaria de Educação ocupa dois galpões do condomínio. Técnicos da secretaria informaram que praticamente tudo que estava estocado no primeiro galpão foi consumido pelo fogo antes da chegada do Corpo de Bombeiros.
Segundo informações iniciais obtidas no local pela equipe de reportagem da TV Bahia, uma máquina da fábrica estava carregando álcool líquido quando ocorreu uma pane elétrica. Havia pessoas no local, mas ninguém ficou ferido. As chamas ainda se aproximaram de um galpão que guardava cilindros de gás natural, mas, de acordo com os donos do depósito, os botijões estavam vazios.
Dez viaturas do Corpo de Bombeiros e 68 profissionais estiveram envolvidos no combate às chamas.
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Corpo de Bombeiros no combate a incêndio em Lauro de Freitas, na Bahia
Reprodução/TV Bahia
Almoxarifado da prefeitura foi atingido
Reprodução/Redes Sociais
Ninguém ficou ferido
Divulgação/Corpo de Bombeiros
Incêndio ocorreu na última quarta-feira
Divulgação/Corpo de Bombeiros